Atualizado 06h05 Terça, 06 de agosto de 2013   |   Política de privacidade   |   Anuncie   |   Quem somos   |  
Logo JBWiki Logo JB Publicar Conteudo


O JBWiki! é um jornal online participativo, quem escreve é você!

Como funciona
1 Se você já tem cadastro, sua matéria é publicada na hora em pendentes
Cadastre-se
2 Se você não tem cadastro e quer enviar uma matéria, ela só é publicada depois de aprovação
Enviar matéria sem cadastro

Posts com vídeos

Tatuagem (Chico Buarque)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Guantanamera (Los Sabandeños)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
O Artista (Trailer Legendado)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Deu no papel

Fraude recorde em São Paulo

940 acessos - 0 comentários

Publicado em 27/08/2011 pelo(a) Wiki Repórter JBWiki!, Rio de Janeiro - RJ



Uma quadrilha que passou os últimos 17 anos forjando o pagamento de taxas para a construção de prédios em São Paulo causou rombo de ao menos R$ 50 milhões - e o prejuízo pode chegar aos R$ 100 milhões, informou a Corregedoria-Geral do Município. OUTROS DESTAQUES - Interventor encontra ralos para corrupção na Conab. Ex-servidor da Lei Seca atropela 4 e um morre. Justiça proíbe Câmara de pagar supersalário. Ministros do STF são contra pagamentos acima do teto. Paul Krugman: Com Fed inativo, é difícil divisar o fim do desastre na economia dos EUA. Adolescente morre baleado no Chile durante protesto. Ataque à ONU na Nigéria mata 18. Alerta sobre furacão tira 272 mil de casa em Nova York.

DESTAQUES DE JORNAIS BRASILEIROS, SÁBADO, 27 DE AGOSTO DE 2011.

O Estado de S. Paulo

Prefeitura de SP sofre fraude recorde
Durante 17 anos, quadrilha forjou pagamento de taxas para construção de edifícios; prejuízo pode chegar a R$ 100 milhões

Uma quadrilha que passou os últimos 17 anos forjando o pagamento de taxas para a construção de prédios em São Paulo causou rombo de ao menos R$ 50 milhões - e o prejuízo pode chegar aos R$ 100 milhões, informou a Corregedoria-Geral do Município. Segundo a Prefeitura, trata-se do maior golpe já aplicado por particulares contra os cofres municipais. A investigação encontrou indícios de que quatro construtoras - Marcanni, Zabo, Porte e Onoda - apresentaram à Prefeitura guias com autenticação bancária falsa para obter o aval para levantar edifícios acima do gabarito permitido na cidade - a chamada outorga onerosa. A Prefeitura já encontrou cerca de 900 documentos suspeitos. O mais antigo deles é de 1994 e envolve fraudes no carnê do IPTU. Ontem, a Polícia Civil prendeu quatro envolvidos no esquema. A quadrilha pode ter mais 20 integrantes. As construtoras se dizem vítimas. (Págs. 1 e Cidades C1 e C3)

Obras terão embargo

A partir de segunda-feira, a Corregedoria-Geral do Município vai embargar obras em andamento de construtoras que obtiveram autorização e alvará por meio da fraude. "Bloquearemos as obras até que tudo seja devidamente pago aos cofres públicos", disse o corregedor-geral, Edilson Bonfim. (Págs. 1 e Cidades C3)
ONU quer Kadafi vivo, em meio a onda de execuções
A praça diante do antigo quartel de Muamar Kadafi, em Trípoli, tornou-se um cemitério a céu aberto. Vários cadáveres apresentavam marcas de tortura e execução. Num hospital, foram encontrados dezenas de corpos abandonados. A ONU pediu que a vida de Kadafi fosse poupada, para que ele seja julgado. (Págs. 1 e Internacional A14,A18 e A19)


Tropa de paz pode ser enviada

O secretário-geral da ONU vai propor o envio de missão de paz à Líbia para evitar que o país mergulhe numa espiral de violência. (Págs. 1 e Internacional A18)
Ataque à ONU na Nigéria mata 18
A explosão de um carro-bomba dentro da sede da ONU em Abuja, capital da Nigéria, deixou pelo menos 18 mortos e 60 feridos. Insurgentes islâmicos conhecidos como Boko Haram reivindicaram a autoria do atentado. (Págs. 1 e Internacional A24)
À espera do furacão
Em Nova York, famílias estocam água: governo determina paralisação de metrôs e aeroportos. (Págs. 1 e Internacional A26)
Arrecadação já faz governo cumprir meta
A forte arrecadação de impostos nos últimos meses melhorou as contas públicas e o governo conseguiu, de janeiro a julho, cumprir 80% de toda a meta fiscal do ano. Contribuiu para isso o pagamento bilionário de tributos feito pela Vale. (Págs. 1 e Economia B1)
Ministério responderá por desvio de ONG (Págs. 1 Nacional A4)

18 mil famílias vão receber Bolsa Verde (Págs. 1 e Vida A28)

Celso Ming
A tabela da felicidade futura

Forte otimismo e alto grau de confiança permeiam a sociedade brasileira e ajudam a empurrar a economia. Mas tem um lado ruim. Págs. 1 e Economia B2)
Anthony Shadid
A incerteza árabe

A transição prolongada de países árabes para uma nova ordem poderá ser tão tumultuosa para a região como o momento do Egito foi eletrizante. (Págs. 1 e Visão Global A22)
Notas & Informações
Bernanke não promete nada

Presidente do BC dos EUA limitou-se a reafirmar a provável manutenção de juros muito baixos. (Págs. 1 e A3)

O Globo

Interventor encontra ralos para corrupção na Conab
Serviço Jurídico do órgão, foco de desvios, tem 90% de terceirização

Recém-empossado como procurador-geral da Conab, Rui Magalhães Piscitelli disse ter ficado estarrecido com o quadro que encontrou no órgão. Um dos focos da corrupção, a terceirização do serviço jurídico da empresa atinge 90% das cerca de 10 mil ações da Conab na Justiça, com passivo de R$ 1,7 bilhão, entregue a 12 escritórios de advocacia. "Um órgão desestruturado nesse nível, nunca vi", diz ele, uma espécie de interventor na área jurídica da Conab. "Temos um fusquinha 69 nas mãos", comparou Piscitelli. Dos 70 procuradores da instituição no país, 20 estão lotados em outros órgãos e outros 20 estão prestes a se aposentar. Três estados sequer têm um procurador. A fragilidade da defesa fez a Conab ter prédios, terrenos e automóveis penhorados pela Justiça. As denúncias contra a empresa apontavam que havia escritório que perdia propositalmente causas contra o órgão. (Página 3)
Falta d'água é nova ameaça a Trípoli
Hospital abandonado na periferia da capital tem dezenas de corpos em decomposição

O Conselho Nacional de Transição, que lidera os rebeldes na Líbia, teme que, em desespero, as tropas de Kadafi ataquem o sistema de água em Trípoli, onde algumas áreas já enfrentam desabastecimento há seis dias. Sirta, cidade natal do ditador, foi bombardeada pela Otan, para minar a resistência de seus partidários. Num hospital abandonado na periferia de Trípoli, o cenário era macabro, com dezenas de corpos em decomposição, relata Deborah Berlinck. Na Nigéria, grupo islâmico atacou prédio da ONU, matando 18. (Páginas 27 a 40 e editorial "Quando o Itamaraty era profissional")
Ex-servidor da Lei Seca atropela 4 e um morre
O subsecretário estadual de Governo da Região Metropolitana, Alexandre Felipe Mendes, atropelou pelo menos quatro pessoas em Niterói, na quinta-feira à noite. Ontem, uma das vítimas morreu. Ex-coordenador de blitzes da Lei Seca, ele estava em alta velocidade e não socorreu ninguém (Página 14)
Furacão obriga NY a retirada em massa
Com medidas drásticas, como a paralisação do metrô a partir das 12h de hoje e a retirada de 250 mil pessoas de áreas de risco, Nova York se prepara para a chegada do furacão Irene, que deve atingir a Costa Leste dos EUA. Voos do Brasil foram cancelados. (Página 41)
Escândalos dão 'ajudinha' no superávit
As denúncias de corrupção no Ministério dos Transportes frearam investimentos no setor e ajudaram a turbinar o superávit nas contas públicas. Em julho, o setor público economizou R$ 13,8 bi para pagar juros. Foi o melhor mês de julho em 10 anos. (Página 29)
Folha de S. Paulo

Alerta sobre furacão tira 272 mil de casa em NY
Áreas baixas foram esvaziadas, metrô e lojas vão fechar e população estoca água

O furacão Irene levou pânico à Costa Leste dos EUA, onde deve chegar entre hoje e amanhã. Estados e municípios anunciaram planos de retirar população das áreas de risco e reforçar equipes de emergência.
Em Nova York, cerca de 272 mil moradores das zonas mais baixas, como Queens, Brooklin, Long Island e a região sul de Manhattan, devem deixar suas casas. Hospitais e casas de repouso foram esvaziados, algo inédito na cidade. (Pág. 1 e Mundo A16)
Ministros do STF são contra pagamentos acima do teto
Para cinco ministros do STF ouvidos pela Folha, o Senado não pode fazer pagamentos mensais a servidores acima do teto constitucionl de R$ 26,7 mil.
Os ministros falaram reservadamente, pois o caso será julgado na corte, que tem atualmente nove magistrados em atividade.
Eles criticaram a queda, a pedido do Senado, de liminar que impedia pagamentos além do teto. (Pág. 1 e Poder A4)
Terrorista suicida explode prédio da ONU na Nigéria e mata ao menos 18 (Pág. 1 e Mundo A22)

Adolescente morre baleado no Chile durante protesto (Pág. 1 e Mundo A22)

Sem água, mau cheiro paira sobre Trípoli
Paira sobre Trípoli um mau cheiro cada vez mais difícil de aguentar, relatam os enviados especiais Samy Adghirni e Apu Gomes.
O incômodo, de origens diversas, se espalha pela cidade empurrado pelo vento do Mediterrâneo. O lixo se acumula. Não há água.

Não se pode tomar banho nem dar descarga desde ontem em toda a cidade. Mas o cheiro mais difícil de aguentar é o que emana dos cadáveres esparramados. (Mundo)

Aviões britânicos bombardearam um bunker em Sirte, cidade natal de Muammar Gadafi. Os rebeldes ainda disputam bairros na capital. ( Pág. 1 e Mundo A20)
Paul Krugman: Com Fed inativo, é difícil divisar o fim do desastre
A oposição política paralisou a política fiscal. Em vez de ajudar a criar empregos, o governo federal está recuando, com desincentivo à produção e ao emprego. Com o Federal Reserve também intimidado para que fique inativo, é difícil divisar qualquer fim para o desastre econômico em curso. (Pág. 1 e Mundo A24)
Gleisi diz que pode devolver multa recebida ao deixar Itaipu (Pág. 1 e Painel A4)

Editoriais
Leia "Espaço vazio", sobre o programa espacial brasileiro, e "Do Fed, nada", acerca do pronunciamento do presidente norte-americano. (Pág. 1 e Opinião A2)

Correio Braziliense

Justiça proíbe Câmara de pagar supersalário
A mesma corte, a mesma questão, duas sentenças diferentes. A desembargadora Monica Sifuentes, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, decidiu manter a liminar segundo a qual os vencimentosn na Câmara dos Deputados não podem ultrapassar o teto salarial do funcionalismo público, que hoje é de R$ 26.713, conforme estabelece a Constituição Federal. No entender da magistrada, o recebimento de horas extras e de gratificações no exercício de função ou cargo comissionado não fica fora do teto, como alega a Advocacia-Geral da União (AGU) no recurso apresentado em favor da Câmara. É exatamente o oposto do que decidiu o presidente do TRF1, Olindo Menezes, nove dias atrás, ao liberar os altos salários para os funcionários do Senado. Ambas as decisões são temporárias até o julgamento do mérito dos recursos. (Págs. 1 e 13)
Guerra aos abusos na orla
Justiça determina a retirada de invasões na Área de Preservação entre os lagos Sul e Norte. Pela decisão, as ocupações numa faixa de 30 metros à beira do Paranoá, entre elas as construções nas "pontas de picolé", devem ser removidas. O GDF terá que elaborar um plano de fiscalização e derrubada em 120 dias e ainda não há prazo para qualquer tipo de ação. (Págs. 1 e 33)
Pedalando rumo ao colégio
Alunos do Recando das Emas receberam bicicletas do programa Caminho da Escola, lançado ontem pelo ministro Fernando Haddad e pelo governador Agnelo. (Págs. 1 e 32)
Furacão provoca saída em massa de Nova York
Mais de 250 mil pessoas serão retiradas do litoral da cidade antes da chegada da tempestade Irene, que ameaça a costa leste dos EUA. Voos estão suspensos e o transporte público vai parar. Os nova-iorquinos foram aconselhados a ficar em casa. (Págs. 1 e 23)
Atentado mata 18 em prédio da ONU na Nigéria
Um extremista suicida avançou contra o portão do edifício de cinco andares, onde trabalhavam cerca de 400 pessoas, e explodiu o carro-bomba, matando todos os que estavam no subsolo e deixando 60 feridos. Um grupo islâmico assumiu a autoria do atentado. (Págs. 1 e 21)

Estado de Minas

100 anos de perigo
Há um século um atropelamento como o primeiro acidente de trânsito de BH. O problema se agravou e tomou grandes proporções. Para piorar depois de uma queda entre 2008 e 2010, o número de vítimas atendidas no HPS no primeiro semestre voltou a aumentar. Foram 1.616 casos, 13% a mais do que entre janeiro e junho do ano passado. A média é de nove pessoas por dia. E a principal causa é a imprudência de motoristas e também de pedestres, como o da foto, atravessando fora da faixa na Avenida Nossa Senhora do Carmo, uma das mais perigosas da cidade. (Páginas 27 e 34)
Governo e mercado preveem crescimento menor em 2011
Expectativa era de uma expansão de 4,5%, mas projeções já estão abaixo de 4%. (Página 13)
Ex-xerife da Lei Seca bebe e atropela quatro
(Página 12)
Cidade natal de Kadafi é bombardeada pela Otan (Página 24)

Jornal do Commercio (PE)

Flanelinha é solto e avisa que vai voltar

Indústria lança ônibus especiais para o Mundial
Anúncio de intervenções no trânsito das sedes da Copa acelera a produção de veículos específicos para a demanda. (Pág. 1 e Cidades 2)
Prefeitura vai revitalizar 18 canais do Recife
João da Costa assinou ontem ordem de serviço para início das obras. Projeto prevê investimento de R$ 95,3 milhões. (Pág. 1 e Cidades 6)
UPE tem déficit de 102 professores
Quadro da Universidade está incompleto. Há 84 cargos vagos nas cidades do interior e 18 na do Recife. Instituição assegura que problema será resolvido no início de setembro. (Pág. 1 e Cidades 3)
Embaixador líbio no Brasil, agora, declara apoio aos rebeldes (Página 19)

Suape vai receber verba de R$ 83 milhões para tocar plano habitacional (Pág. 1 e Economia 4 e 5)

Zero Hora (RS)

Protesto e vandalismo de PMs por salários constrangem quartéis
Onda de rodovias interrompidas por pneus queimados é a tática adotada pela associação de praças da BM para reivindicar aumento salarial. (Páginas 4, 5 e 10)
Os jatinhos e o debate da ética no poder
Casos de autoridades que usam aeronaves de empresas privadas se repetem. (Página 6)
Carro-bomba atinge sede da ONU na Nigéria
Grupo islâmico atinge autoria do crime, que deixou pelo menos 18 mortos. (Página 30)

Fontes: Radiobras-BrasilWiki!

Reporte abuso COMPARTILHE No Twitter No Facebook

Todos deste(a) repórter

Publicado pelo(a) Wiki Repórter
JBWiki!
Rio de Janeiro - RJ



Faça seu comentário - nome e cidade são obrigatórios
 caracteres restantes
Digite o código para validar o formulario

Trocar imagem
Quero ser inserido sempre que este autor inserir um novo post
Quero ser inserido sempre que um comentários for inserido neste post

Se você é um wiki repórter, faça o login e seu comentário será postado imediatamente.
Caso não seja, seu post entrará na lista de moderação de BrasilWiki!
Use a área de comentários de forma responsável.
BrasilWiki! faz o registro do IP (número gerado pelo computador de acesso à internet) de usuários para se proteger de eventuais abusos.
Ao selecionar acompanhar comentários do post ou post do autor, é obrigatório o preenchimento do campo email e não é necessário fazer o comentário.


©1995 - 2013. Brasil Mídia Digital

jb.com.br