Atualizado 19h56 Sexta, 16 de agosto de 2013   |   Política de privacidade   |   Anuncie   |   Quem somos   |  
Logo JBWiki Logo JB Publicar Conteudo


O JBWiki! é um jornal online participativo, quem escreve é você!

Como funciona
1 Se você já tem cadastro, sua matéria é publicada na hora em pendentes
Cadastre-se
2 Se você não tem cadastro e quer enviar uma matéria, ela só é publicada depois de aprovação
Enviar matéria sem cadastro

Posts com vídeos

Tatuagem (Chico Buarque)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Guantanamera (Los Sabandeños)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
O Artista (Trailer Legendado)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Deu no papel

Gays: o sermão da Igreja

734 acessos - 0 comentários

Publicado em 12/05/2011 pelo(a) Wiki Repórter JBWiki!, Rio de Janeiro - RJ



A diferença sexual é originária e não mero produto de uma opção cultural, afirma a Igreja Católica, em nota da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). O matrimônio natural entre o homem e a mulher bem como a família monogâmica constituem um princípio fundamental do Direito Natural. (...). As pessoas que sentem atração sexual exclusiva ou predominante pelo mesmo sexo são merecedoras de respeito e consideração. Repudiamos todo tipo de discriminação e violência que fere sua dignidade de pessoa humana (cf. Catecismo da Igreja Católica, nn. 2357-2358). OUTROS DESTAQUES - Justiça reforça defesa pelos direitos dos gays. Votação do Código Florestal expõe a divisão do governo. Carro oficial para vereadores põe Rio na contramão. Geraldo Alckmin (SP) dá reajuste de 42% a professores em quatro anos. PCC se resume a 30 presos, diz secretário. Justiça admite a penhora de conta conjunta. Preço alto não desanima comprador de imóvel no Rio. Contra inflação, governo força queda do preço da gasolina. Brasil vai pagar o triplo por energia de Itaipu. Farc: Venezuela falsificava documentos, inclusive em Manaus.

DESTAQUES DE JORNAIS BRASILEIROS, QUINTA-FEIRA, 12 DE MAIO DE 2011.

Correio Braziliense


Justiça reforça defesa pelos direitos dos gays
Relator do processo que resultou na decisão do STF de estender a união estável para casais homossexuais,o ministro Carlos Ayres Britto disse ao Correio que a Corte tinha a exata noção da repercussão e da importância dessa medida.“Se tirássemos deles (dos gays) as consequências da decisão,o que sobraria seria a relação física, o que eles já têm”,afirmou. Ontem, pela primeira vez com base no entendimento do Supremo,o STJ reconheceu a relação homoafetiva num caso de partilha de bens. (Págs. 1, 36 a 38 e Visão do Correio, 24)

Bispos condenam

CNBB afirma que o Supremo ultrapassou limites ao decidir em favor da união gay. (Págs. 1 e 38)

(EM NOTA, CNBB DIZ QUE NÃO RECONHECE FAMÍLIA COM UNIÃO GAY. A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) divulgou nesta quarta-feira uma nota a respeito da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que reconheceu, na última quinta-feira, a união estável entre casais homossexuais. A CNBB disse que respeita a decisão do Supremo, mas que "tais uniões não podem ser equiparadas à família, que se fundamenta no consentimento matrimonial, na complementaridade e na reciprocidade entre um homem e uma mulher". Confira a nota na íntegra:

"Nós, bispos do Brasil em Assembleia Geral, dos dias 4 a 13 de maio, reunidos na casa da nossa Mãe, Nossa Senhora Aparecida, dirigimo-nos a todos os fiéis e pessoas de boa vontade para reafirmar o princípio da instituição familiar e esclarecer a respeito da união estável entre pessoas do mesmo sexo. Saudamos todas as famílias do nosso País e as encorajamos a viver fiel e alegremente a sua missão. Tão grande é a importância da família, que toda a sociedade tem nela a sua base vital. Por isso é possível fazer do mundo uma grande família.
A diferença sexual é originária e não mero produto de uma opção cultural. O matrimônio natural entre o homem e a mulher bem como a família monogâmica constituem um princípio fundamental do Direito Natural. As Sagradas Escrituras, por sua vez, revelam que Deus criou o homem e a mulher à sua imagem e semelhança e os destinou a ser uma só carne (cf. Gn 1,27; 2,24). Assim, a família é o âmbito adequado para a plena realização humana, o desenvolvimento das diversas gerações e constitui o maior bem das pessoas.
As pessoas que sentem atração sexual exclusiva ou predominante pelo mesmo sexo são merecedoras de respeito e consideração. Repudiamos todo tipo de discriminação e violência que fere sua dignidade de pessoa humana (cf. Catecismo da Igreja Católica, nn. 2357-2358). As uniões estáveis entre pessoas do mesmo sexo recebem agora em nosso País reconhecimento do Estado. Tais uniões não podem ser equiparadas à família, que se fundamenta no consentimento matrimonial, na complementaridade e na reciprocidade entre um homem e uma mulher, abertos à procriação e educação dos filhos.
Equiparar as uniões entre pessoas do mesmo sexo à família descaracteriza a sua identidade e ameaça a estabilidade da mesma. É um fato real que a família é um recurso humano e social incomparável, além de ser também uma grande benfeitora da humanidade. Ela favorece a integração de todas as gerações, dá amparo aos doentes e idosos, socorre os desempregados e pessoas portadoras de deficiência. Portanto, tem o direito de ser valorizada e protegida pelo Estado.
É atribuição do Congresso Nacional propor e votar leis, cabendo ao governo garanti-las. Preocupa-nos ver os poderes constituídos ultrapassarem os limites de sua competência, como aconteceu com a recente decisão do Supremo Tribunal Federal. Não é a primeira vez que no Brasil acontecem conflitos dessa natureza que comprometem a ética na política.
A instituição familiar corresponde ao desígnio de Deus e é tão fundamental para a pessoa que o Senhor elevou o Matrimônio à dignidade de Sacramento. Assim, motivados pelo Documento de Aparecida, propomo-nos a renovar o nosso empenho por uma Pastoral Familiar intensa e vigorosa. Jesus Cristo Ressuscitado, fonte de Vida e Senhor da história, que nasceu, cresceu e viveu na Sagrada Família de Nazaré, pela intercessão da Virgem Maria e de São José, seu esposo, ilumine o povo brasileiro e seus governantes no compromisso pela promoção e defesa da família."

STF decide a favor de união gay

Por unanimidade, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu no dia 5 de maio de 2011 pelo reconhecimento de união estável entre pessoas do mesmo sexo. Todos os dez ministros aptos a votar foram favoráveis a estender a parceiros homossexuais direitos hoje previstos a casais heterossexuais - o ministro Dias Toffoli se declarou impedido de participar porque atuou como advogado-geral da União no caso e deu, no passado, parecer sobre o processo.
Com o julgamento, os magistrados abriram espaço para o direito a gays em união estável de terem acesso a herança e pensões alimentícia ou por morte, além do aval de tornarem-se dependentes em planos de saúde e de previdência. Após a decisão, os cartórios não deverão se recusar, por exemplo, a registrar um contrato de união estável homoafetiva, sob pena de serem acionados judicialmente. Itens como casamentos civis entre gays ou o direito de registro de ambos os parceiros no documento de adoção de uma criança, porém, não foram atestados pelo plenário. Fonte: Terra, 11/5/2011.)



Brasília engajada

Distrito Federal tem segundo maior número de casais do mesmo sexo o país. (Págs. 1 e 37)

Imagem polêmica

Leitores e internautas comentam a foto do beijo entre homens no correio. (Págs. 1, 36 a 38 e Crônica da Cidade, 41)


Pizza para quem gosta de pizza
Servidores da Câmara Legislativa fizeram um protesto bem-humorado contra os parlamentares que não abrem mão de preencher 50% das vagas da Casa com cargos comissionados. Liliane Roriz foi uma das distritais abordadas pelos “pizzaiolos”. A manifestação surtiu efeito: reunião discutirá o impasse na próxima semana. (Págs. 1 e 33)
Código florestal: Governo recua e Câmara adia a votação
Após um dia inteiro de negociações, o governo propôs no fim da noite de ontem a retirada da pauta do projeto de lei do Código Florestal. A manobra inflamou as discussões e expôs o racha entre aliados. (Págs. 1 e 2)


Previdência: Taxa menor na folha de pagamento
Governo aceita reduzir de 20% para 14% a alíquota de contribuição social das empresas. A proposta foi apresentada ontem às centrais sindicais e seria uma das medidas para a criação de empregos em diversos setores. (Págs. 1 e 17)
Tremor mata na Espanha
Dois terremotos — o maior deles com magnitude 5.1 — destroem prédios e provocam a morte de pelo menos 8 pessoas em Murcia. (Págs. 1 e 27)
Carro novo eleva calote
Sem poderem pagar o financiamento, donos de veículos elevam a inadimplência no país. Alta é a maior desde 2002. (Págs. 1 e 20)
Postos do DF com vantagens suspeitas
O Ministério da Justiça decide averiguar o contrato da BR Distribuidora, da Petrobras, com a rede de combustíveis Gasol. Segundo a Secretaria de Direito Econômico, há indícios de favorecimento à empresa candanga. Entre as irregularidades está a cobrança de aluguéis abaixo dos valores de mercado. (Págs. 1 e 43)


O Globo

Votação do Código Florestal expõe a divisão do governo
Texto do relator Aldo Rebelo desagrada a ambientalistas e ruralistas

Com sua base parlamentar dividida, o governo jogou a toalha e aceitou que o relator do projeto de reforma do Código Florestal, deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP), faça no texto concessões com as quais não concorda. Mesmo assim, o relatório final de Aldo desagradou a ruralistas e ambientalistas, acabando com as esperanças de se chegar a um acordo. Ontem à noite, os parlamentares se preparavam para brigar no voto, em plenário. Os representantes do agronegócio e a bancada verde, ambos com muitos deputados da base governista, devem apresentar emendas para tentar alterar o texto que foi costurado em longas reuniões de Aldo com o líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza (PT-SP), e o ministro Antonio Palocci (Casa Civil). Entre as concessões do governo, prevaleceu a proposta do relator de liberar todos os donos de propriedades com até quatro módulos fiscais (de 20 a 400 hectares, dependendo da região do país) da obrigatoriedade de recompor as áreas de reserva legal. (Págs. 1, 3, 4 e Eco Verde)
Aécio pega carona em royalties de prefeitos
O ex-governador de Minas Aécio Neves e o presidente do Senado, José Sarney, aderiram ontem à principal reivindicação dos prefeitos, que fizeram marcha em Brasília. Eles defendem que seja avaliado em plenário o veto presidencial à proposta que redistribui os royalties do petróleo. Aprovado no Congresso no ano passado, o texto prejudicava o Rio. (Págs. 1 e 23)

Carro oficial põe Rio na contramão
Vereadores de São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre, Recife, Fortaleza e Salvador não têm carro oficial, ao contrário do Rio. Os Jetta 0km que forem recusados serão trocados por ônibus para comissões permanentes. (Págs. 1, 22 e Dos leitores)
Farc: Venezuela falsificava documentos
Dossiê revelou que a Venezuela forneceu documentos e vistos a guerrilheiros colombianos. O esquema incluía o consulado do país em Manaus. (Págs. 1, 32 e editorial "Arquivos das Farc denunciam Chávez)

Não adiantou montadora fugir do ABC
Montadoras que abriram fábricas no Paraná e na Bahia, fugindo da pressão de sindicatos do ABC paulista, agora enfrentam greves e dão reajustes bem acima da inflação. Na Bahia, o ganho real chega a 80% em dez anos. (Págs. 1 e 25)
Enquanto isso, no que restou do tapete verde ...
O Maracanã está praticamente sem gramado, e o verde, agora, ficará por conta das obras. Por exigência do BNDES, que investirá R$ 400 milhões na reforma para a Copa, o estádio terá que ter certificação ambiental. O controle de poluentes começa já. (Págs. 1 e 20)
Turnowski: MP pede arquivamento
O Ministério Público pediu ontem o arquivamento, por falta de provas, do inquérito em que o delegado Allan Turnowski, ex-chefe da Polícia Civil, foi acusado de vazamento de informações. (Págs. 1 e 21)
Dilma manda avisar que Ana de Hollanda tem seu apoio (Págs. 1 e 12)
É o Bin Laden, estúpido
Obama está em alta, já a economia...

A morte de Bin Laden elevou, segundo pesquisa publicada ontem, a popularidade de Barack Obama para 60%, a maior em dois anos; 73% aprovaram ainda sua luta contra o terror. Ao mesmo tempo, outra pesquisa revela que apenas 34% dos americanos concordam com a maneira como o presidente conduz a economia. Ou seja: para Obama, a frase "É a economia, estúpido", que virou clichê político nos anos 90 com Bill Clinton, funciona, no momento, ao contrário. (Págs. 1 e 33)

Folha de S. Paulo

Brasil vai pagar o triplo por energia de Itaipu
Senado aprova acordo quatro dias antes de Dilma viajar para o Paraguai

Com maioria folgada no Senado, os governistas aprovaram o texto do acordo entre Brasil e Paraguai que triplica o valor pago pelo governo brasileiro pela energia de Itaipu que não é usada pelo país vizinho.

Segundo a oposição, o valor de US$ 120 milhões pago anualmente vai subir para cerca de US$ 360 milhões. (Págs. 1 e Mundo A15)
Foto legenda: Abalo na Espanha
Homem socorre pedestre atingido por desabamento provocado por tremor em rua da cidade de Lorca (sudeste espanhol); dois terremotos, de magnitude 4,5 e 5,1, deixaram ao menos oito mortos no país. (Págs. 1 e A13)
'Fica firme, Ana', diz presidente para ministra
A presidente Dilma Rousseff manifestou apoio à ministra da Cultura, Ana de Hollanda, que está no centro de uma crise. Ao deixar evento, Dilma lhe disse: "Fica firme, Ana", relata Natuza Nery. No MinC, a secretário-geral da Presidência, Gilberto Carvalho, afirmou que Dilma apoia as políticas da ministra. (Págs. 1 e Poder A4)
Alckmin propõe aumento de 14% para professores
O governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou proposta de aumento de 42,2%, em quatro anos, no salário-base dos professores. O reajuste deste ano (13,8%) incorpora gratificação de R$ 92 dada a docentes da ativa - o que faz o aumento ser de cerca de 8%.
Os professores queriam 36,7% em 2011. (Págs. 1 e Cotidiano C1)
Emprego quebra recorde e beneficia os mais jovens
Os jovens de 16 a 17 anos foram os mais beneficiados pelo aumento recorde do emprego formal, que registrou 2,86 milhões de novas vagas no ano passado.

Dados do governo mostram que o emprego feminino (7,3%) teve alta maior que o masculino (6,7%), mas os homens continuam ganhando mais. (Págs. 1 e Poder A9)
Nelson de Sá
EUA devem ignorar Mantega, afirma Paul Krugman. (Págs. 1 e Poder A10)
Síria desiste de candidatura a conselho das Nações Unidas (Págs. 1 e Mundo A14)

Para secretário da ONU, morte de Bin Laden foi ato de Justiça (Págs. 1 e Mundo A16)

Editoriais
Leia "Farra no teto", que cobra um limite aos salários do funcionalismo público, e "Pressão sobre a Grécia", acerca da crise no país europeu. (Págs. 1 e Opinião A2)

O Estado de S. Paulo

Contra inflação, governo força queda do preço da gasolina
Planalto manda a BR Distribuidora repassar combustíveis a valores mais baixos, para barateá-los em até 10%

O governo resolveu forçar uma redução mais rápida e acentuada dos preços dos combustíveis, para amenizar os índices de inflação. O ministro Edison Lobão (Minas e Energia) afirmou que o objetivo é obter queda de até 10% no caso da gasolina. Para isso, o governo usará a BR Distribuidora. A ideia é fazer com que a subsidiária da Petrobras repasse aos revendedores o produto a preços mais baixos o quanto antes. Como a empresa detém 38,8% do mercado de distribuição, isso poderia contribuir para uma queda generalizada dos preços. Segundo Lobão, a expectativa é que os demais distribuidores acompanhem o movimento da estatal. Na visão da federação de postos de combustíveis, a redução dos preços ocorreria naturalmente com o avanço da safra de cana ao longo do mês de maio. (Págs. 1 e Economia B1)

Redução já começou em SP
A Petrobras baixou ontem os preços para postos revendedores no Estado de 3% a 9% para a gasolina e de 8% a 20% para o etanol. (Págs. 1 e Economia B3)

Alckmin dá reajuste de 42% a professores em quatro anos
O governo de São Paulo anunciou uma nova política salarial para os funcionários da Educação do Estado. A proposta inclui aumento de 42;2%, escalonado em quatro anos, no salário-base do professor - os docentes receberão 13,8% em 1º de julho. Com isso, o piso salarial, de 40 horas semanais, passará de R$ 1.665,05 para R$ 1.894,12. (Págs. 1 e Vida A19)
Entidades pedem mais que aumento
Educadores, professores e sindicatos afirmam que a concessão de aumento salarial para os docentes é decisão “corajosa", mas criticam o não atendimento de outras demandas. Eles dizem que só o reajuste não vai melhorar o nível de aprendizagem dos alunos. (Págs. 1 e Vida A20)

PCC se resume a 30 presos, diz secretário
O secretário de Segurança de São Paulo, Antonio Ferreira Pinto, diz que o PCC está enfraquecido, cinco anos após a série de ataques na capital. "O PCC são no máximo 30 presos influentes e estão cumprindo pena em Presidente Venceslau", disse Ferreira Pinto ao Estado. Para ele, os que têm “poder econômico" são “cinco ou seis". (Págs. 1 e Cidades C1)
Bolsa - Atleta terá antidoping
O Ministério do Esporte determinou que os atletas participantes do programa terão de passar por exames antidoping. Os testes serão realizados pelo menos uma vez por ano e fora das competições. (Págs. 1 e E4)

CNBB critica STF por aval a união entre gays (Págs. 1 e Vida A24)

PMDB usa SP como modelo na briga com PT (Págs. 1 e Nacional A4)

José Serra
Brasil: desenvolvimento adiado

O Brasil parece ter congelado sua vocação para o desenvolvimento rápido, a indústria e a agregação de conhecimento e valor. (Págs. 1 e Espaço Aberto A2)
Notas & Informações
Já viria tarde

Caso adote medidas contra produtos argentinos, o Brasil estará respondendo na mesma moeda. (Págs. 1 e A3)

Valor Econômico

BB busca crescer em segmentos mais lucrativos
O Banco do Brasil (BB) quer encerrar 2011 com ativo total de R$ 1 trilhão (cerca de US$ 617 bilhões). A meta, fixada pelo presidente do banco, Aldemir Bendine, em reunião com seus principais executivos, representará, se for cumprida, crescimento de 22% em relação ao ano passado, mas de apenas 15,3% quando comparada à posição já alcançada no primeiro trimestre deste ano.

O número é simbólico. Seria o primeiro banco brasileiro a alcançar a marca. O Itaú Unibanco, segundo colocado no ranking, chegou a R$ 778,4 bilhões em ativos em 31 de março e o BB, a R$ 866,6 bilhões. A diferença é que o lucro do BB é bem menor - R$ 2,9 bilhões no primeiro trimestre, enquanto o Itaú obteve R$ 3,5 bilhões. (Págs. 1 e C10)
Empresas aceleram oferta de ações
O primeiro semestre do ano deve ser movimentado em ofertas de ações, com o esforço das empresas para se anteciparem às férias de verão no Hemisfério Norte. Apenas na semana passada, quatro companhias - Qualicorp, Perenco, Brazil Pharma e Technos - pediram à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) registro para ofertas iniciais de ações na bolsa. Já estão em análise, desde o início do ano, as colocações de Camil e Enesa Participações.

Outras companhias se preparam para entrar na fila ainda neste ano: a empresa de turismo CVC, a sucroalcooleira Copersucar e as petroleiras Petroserv e Petrogal. Além das novatas, a movimentação deve incluir empresas já listadas. Também preparam ofertas Rossi Residencial, Gafisa, Tereos Internacional (Açúcar Guarani) e Banco do Brasil.(Págs. 1 e D11)
Justiça admite a penhora de conta conjunta
A penhora on-line de dinheiro pode ser aplicada também para contas conjuntas em banco. Em decisão recente, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) permitiu que a conta de um casal divorciado fosse penhorada para o pagamento de uma dívida fiscal da mulher. O advogado do caso alegou que os depósitos eram efetuados apenas pelo ex-marido, para despesas dos filhos. O tribunal, porém, entendeu que, a partir do momento em que há depósito nessa modalidade de conta, os valores passam a ser solidários. Por esse motivo, não importa que o débito seja de apenas um dos titulares da conta. No ano passado, a Justiça bloqueou R$ 20,13 bilhões por meio do sistema eletrônico Bacenjud. (Págs. 1 e E1)
Gás natural anima polo gesseiro de PE
A chegada, ainda como projeto-piloto, do gás natural ao "Chapadão do Araripe", no extremo oeste de Pernambuco, aumenta as expectativas de crescimento do polo gesseiro em quatro municípios da região. Cerca de 95% do gesso consumido no Brasil, algo em torno de 5 milhões de toneladas por ano, vêm dessa área. O dinamismo da construção civil já acelerou a procura pelo gesso, mas as cidades do polo e as empresas sofrem com problemas de infraestrutura. Praticamente todas as fábricas se abastecem de lenha e coque. Em uso há pouco mais de um mês, o gás natural, mais limpo e eficiente, pode ajudar o setor a atender melhor a demanda, que em 2010 avançou 30%. (Págs. 1 e A16)
Preço alto não desanima comprador de imóvel no Rio
Mesmo com preços entre os dez mais caros do mundo, a venda de imóveis na cidade do Rio de Janeiro continua a crescer. O interesse é tão grande por apartamentos de alto padrão na zona sul, especialmente em prédios de frente para o mar, que as construtoras nem montam mais estandes de venda nos prédios em lançamento. Os apartamentos são oferecidos por telemarketing ou simplesmente por e-mails enviados a clientes que já demonstraram interesse e estão na fila de espera. A demanda por escritórios e outros imóveis comerciais também está superaquecida.

Depois de uma valorização de 44% nos últimos 12 meses, cresce o debate sobre a existência ou não de uma bolha imobiliária no Rio, onde o metro quadrado chega a R$ 50 mil na avenida Delfim Moreira, no Leblon. Especialistas lembram que a cidade atravessou pelo menos uma década sem a atenção dos governos, o que desestimulou os lançamentos imobiliários. A redução da violência e os preparativos para a Copa e a Olimpíada voltaram a animar a demanda por imóveis,suportada pela maior oferta de crédito imobiliário. (Págs. 1, B1 e B12)
Aduana brasileira adota retaliação 'branca' contra Argentina (Págs. 1 e A3)

CCJ do Senado aprova mudanças na tramitação de Medida Provisória (Págs. 1 e A10)

DuPont aumenta aposta em defensivos para cana, diz Okamura (Págs. 1 e B16)

Logística de alimentos
A América Latina Logística (ALL) lançou nesta semana um serviço de trem expresso que vai abreviar de 15 para 5 dias o transporte de arroz do Sul do país para o Estado de São Paulo. (Págs. 1 e B2)

Vivendi avalia aquisições no país
A Vivendi avalia novas aquisições no Brasil para expandir sua operadora GVT no país. Os negócios avaliados podem, inclusive, estar fora de suas áreas de excelência, como telecomunicações, TV paga, gravações fonográficas e videogames. (Págs. 1 e B2)
IPO da Atento no exterior
A Atento, unidade de call center da Telefônica, vai vender ações em uma oferta pública inicial, como parte do esforço da operadora de reduzir seu endividamento e focar a operação na América Latina. (Págs. 1 e B4)
Ticket de compras
O Brasil é o maior mercado da francesa Edenred, dona da empresa de cartões de benefício Ticket. O lucro em 2010 foi de R$ 192 milhões. Agora, a CEO mundial, Jacques Stem, avalia aquisições no país. ''Atrás das líderes existe uma centena de pequenos concorrentes. Há espaço para consolidação". (Págs. 1 e B4)
Gomes da Costa cresce em SC
O grupo espanhol Calvo, dono da fabricante de pescados em conserva Gomes da Costa, vai investir R$ 30 milhões na ampliação de sua fábrica em Itajaí (SC). O projeto prevê a construção de novos armazéns frigorificados na unidade. (Págs. 1 e B14)
Fonterra compra fazenda em GO
A cooperativa neozelandesa Fonterra, maior exportadora de produtos lácteos do mundo, vai investir na produção de leite no Brasil. A empresa fechou acordo para a compra de uma fazenda na região de Cristalina (GO). (Págs. 1 e B16)
Debêntures do Minerva
O frigorífico Minerva vai emitir R$ 300 milhões em debêntures que serão obrigatoriamente convertidas em ações no vencimento. Os papéis serão oferecidos publicamente, o que é uma novidade para esse tipo de título. (Págs. 1 e C3)
Ideias
Jose Antonio Sorge

Não devemos permitir que ideologias nos impeçam de ver que, a longo prazo, a energia nuclear terá papel relevante no país. (Págs. 1 e A14)
Ideias
Barry Elchengreen

Autoridades europeias fariam melhor se projetassem um acordo sob medida para a dívida grega, como o Plano Brady. (Págs. 1 e Al5)

Jornal do Commercio (PE)

Para o Recife andar
Plano da prefeitura prevê mudanças na engenharia de tráfego orçadas em R$ 18 milhões. Serão proibido giros à esquerda nos principais corredores. Semáforos vão ser modernizados e operações de carga e descarga, disciplinadas. (Págs. 1 e Cidades 1 e 2)
Tremores abalam sudeste da Espanha
Pelo menos oito pessoas morreram e várias ficaram feridas em Lorca, na província de Múrcia. Terremotos chegaram a 5,1 e 4,5 graus. (Págs. 1 e 12)
Pernambuco disputa fábrica da alemã BMW
Montadora está negociando com seis Estados. Infraestrutura, logística e cadeia de fornecedores serão decisivas. (Págs. 1 e Capa Dois)

CNBB repudia decisão do STF sobre união estável de homossexuais (Págs. 1 e 11)

JC Negócios: Fernando Castilho
Inadimplente

Governo do Estado não prestou contas de um convênio sobre a BR-101 e teve seu CNPJ citado pelo Tesouro Nacional. (Págs. 1 e Economia 2)
Greve dos bombeiros paralisa voos no aeroporto de Maceió (Págs. 1 e 9)

Zero Hora (RS)

Governo dividido interrompe votação do Código Florestal
Depois de 15 horas de embate, temas como a dispensa de reserva em pequenas áreas agravaram as divergências sobre a lei que muda regras no campo. (Págs. 1 e 32)
Bin Laden deixa Obama mais pop (Págs. 1 e 28)

Fontes: Radiobras – JBWiki!

Reporte abuso COMPARTILHE No Twitter No Facebook

Todos deste(a) repórter

Publicado pelo(a) Wiki Repórter
JBWiki!
Rio de Janeiro - RJ



Faça seu comentário - nome e cidade são obrigatórios
 caracteres restantes
Digite o código para validar o formulario

Trocar imagem
Quero ser inserido sempre que este autor inserir um novo post
Quero ser inserido sempre que um comentários for inserido neste post

Se você é um wiki repórter, faça o login e seu comentário será postado imediatamente.
Caso não seja, seu post entrará na lista de moderação de BrasilWiki!
Use a área de comentários de forma responsável.
BrasilWiki! faz o registro do IP (número gerado pelo computador de acesso à internet) de usuários para se proteger de eventuais abusos.
Ao selecionar acompanhar comentários do post ou post do autor, é obrigatório o preenchimento do campo email e não é necessário fazer o comentário.


©1995 - 2013. Brasil Mídia Digital

jb.com.br