Atualizado 19h36 Domingo, 18 de agosto de 2013   |   Política de privacidade   |   Anuncie   |   Quem somos   |  
Logo JBWiki Logo JB Publicar Conteudo


O JBWiki! é um jornal online participativo, quem escreve é você!

Como funciona
1 Se você já tem cadastro, sua matéria é publicada na hora em pendentes
Cadastre-se
2 Se você não tem cadastro e quer enviar uma matéria, ela só é publicada depois de aprovação
Enviar matéria sem cadastro

Posts com vídeos

Tatuagem (Chico Buarque)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Guantanamera (Los Sabandeños)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
O Artista (Trailer Legendado)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Deu no papel

Morre aos 85 anos o ator Tony Curtis

821 acessos - 4 comentários

Publicado em 30/09/2010 pelo(a) Wiki Repórter mirna_cavalcanti_de_albuquerque, Rio de Janeiro - RJ



O ator Tony Curtis em foto de 1965. Tony Curtis, astro de Hollywood nos anos 1950, morreu em casa, nos EUA. Ele atuou em filmes como ’Quanto mais quente melhor’, com Marilyn Monroe. - Foto: Internet
O ator americano Tony Curtis morreu em sua casa em Henderson, no estado de Nevada, segundo um porta-voz da família. Ele morreu na cama, por volta da meia-noite, de ataque cardíaco.

Curtis, de 85 anos, foi um dos mais populares atores de Holywood nos anos 1950.


Ele estrelou filmes como "Quanto mais quente melhor" ("Some like it hot", de 1959), em que contracenou com Marilyn Monroe. Dirigido por Billy Wilder, o filme é considerado uma das melhores comédias de Hollywood.


Ele também foi um dos maiores "playboys" do mundo do cinema na época.

Curtis teve um papel marcante em "Spartacus", clássico filme de gladiador de 1960.

Ele recebeu uma nomeação ao Oscar por "The Defiant Ones" (Acorrentados", de 1958).

O primeiro papel principal dele foi em "The Prince Who Was a Thief" ("O príncipe ladrão", de 1951), em que foi bastante criticado por fazer um príncipe árabe com um forte sotaque de Nova York.

Apesar das críticas, ele acabou se tornando um ídolo adolescente, graças à sua boa aparência e ao seu charme. Ele acabou ganhando aos poucos o respeito dos críticos.


Ele também teve papéis importantes em filmes como "Houdini" (1953), "Trapeze" ("Trapézio", 1956) e "Operation Petticoat" ("Anáguas à bordo", 1959), "The Boston Strangler" (O homem que odiava as mulheres (1968), "The Vikings" ("Os vikings", 1958) e "The Great Imposter" ("O Grande Impostor", 1961).

Curtis fez mais de 140 filmes, entre comédias e dramas. Sua vida também foi marcada por filmes ruins e problemas com a cocaína e o álcool.


Trajetória



Seu verdadeiro nome era Bernard Schwartz. Ele nasceu em Nova York, em 3 de junho de 1925, filho de imigrantes húngaros pobres.

Ele deixou a escola cedo, para entrar na Marinha na Segunda Guerra Mundial. Começou a atuar depois de dar baixa.


O ator era um namorador incorrigível, que namorou Marilyn Monroe e a Natalie Wood. Ele foi casado seis vezes -a primeira delas com a atriz Janet Leigh, que mais tarde ele admitiu que tinha objetivo publicitário.


Depois de se divorciar, casou com Christine Kaufman, que conheceu ao filmar "Taras Bulba".


Sua última mulher, Jill Vanderberg, era 45 anos mais nova que ele.


Curtis era pai da atriz Jamie Lee Curtis, de quem viveu separado durante boa parte da vida. Ele admitiu que foi uma fracasso como pai.


Depois de parar de atuar, ele começou a se dedicar à pintura. Em 1989, vendeu obras no valor de mais de US$ 1 milhão em uma exposição em Los Angeles, na Califórnia.


Curtis morava em Las Vegas, Nevada. Em 1989, ele lançou um vídeo em que dava dicas de exercícios físicos para pessoas com mais de 50 anos.

Ele também cuidava, com a ajuda de sua mulher Jill, de um santuário para cavalos vítimas de abandono ou abuso, na divisa dos estados da Califórnia e de Nevada.


http://g1.globo.com/pop-arte/cinema/noticia/2010/09/morre-aos-85-anos-o-ator-tony-curtis.html


Reporte abuso COMPARTILHE No Twitter No Facebook

Todos deste(a) repórter

Publicado pelo(a) Wiki Repórter
mirna_cavalcanti_de_albuquerque
Rio de Janeiro - RJ



Comentários
01
Reporte abuso
mirna_cavalcanti_de_albuquerque
Rio de Janeiro 03/10/2010

...VAI VER Q SÃO FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS-PODE SER - PODEM Ñ SER.E ESPERAM Q, SE A DITA GANHASSE,PROMETERÁM-LHES EMPREGO(NÃO ’TRABALHO’)CANSARAM-SE D+NA CAMPANHA.MERECEM REPOUSAR... BEM NÓIS, SE QUUISEREM COMENTAR A MORTE DO ÍDOLO, ESPEREMOS O Q PODERÃO ESCREVER....UMA EXCELENTE SEMANA P / TI, AMIGO!MC


 
02
Reporte abuso
mirna_cavalcanti_de_albuquerque
Rio de Janeiro 03/10/2010

’BARATO’,PQ NINGUÉM PAGARIA + POR TTA ASNEIRA. MAS,AFINAL,TER Q PROCURAR PALAVRAS EM DICIONÁRIO, ESCREVER NOITE E DIA... A VIDA É DURA,NÓIS.E TEM GENTE Q Ñ GOSTA DE TRBALHAR,OUTROS Q Ñ T~EM CAPACIDADE ALGUMA P / CONSEGUUIR TRABALHO E OUTRAS,QUE NÃO CONSEGUEM MESMO TRABALHO.VAI VER Q


 
03
Reporte abuso
mirna_cavalcanti_de_albuquerque
Rio de Janeiro 03/10/2010

NÓIS,AMIGO!POR ESSA HORA, TODOS JÁ VOTARAM.AGUARDEMOS O SEGUNDO TURNO.QUANTO AO ’TAL FULANO’ DO QUAL FALASTE(ALIÁS:HÁ 2?3? É GENTE Q DEVE SER PAGA.AFINAL,TER QUE ’ACHAR’ PONTOS POSITIVOS EM UM GOVERNOS Q É SÓ NEGAÇÃO,DEVE DAR MTO TRABALHO!E DEVEM GANHAR UNS TOSTÕES.TB MERECEM.VALEM POUCO E VENDEM-SE


 
04
Reporte abuso
nois
nois 01/10/2010

Tony Curtis ñ morreu, isso faz parte do (PIG) apenas factoide,palavra do modismo (PT)será que o João vai contestar a morte do ator? Acho possivel,pois ele vive em sintonia com o mestre! Esse Joaõ é pandego!


Faça seu comentário - nome e cidade são obrigatórios
 caracteres restantes
Digite o código para validar o formulario

Trocar imagem
Quero ser inserido sempre que este autor inserir um novo post
Quero ser inserido sempre que um comentários for inserido neste post

Se você é um wiki repórter, faça o login e seu comentário será postado imediatamente.
Caso não seja, seu post entrará na lista de moderação de BrasilWiki!
Use a área de comentários de forma responsável.
BrasilWiki! faz o registro do IP (número gerado pelo computador de acesso à internet) de usuários para se proteger de eventuais abusos.
Ao selecionar acompanhar comentários do post ou post do autor, é obrigatório o preenchimento do campo email e não é necessário fazer o comentário.


©1995 - 2013. Brasil Mídia Digital

jb.com.br