Atualizado 16h29 Sexta, 24 de outubro de 2014   |   Política de privacidade   |   Anuncie   |   Quem somos   |  
Logo JBWiki Logo JB Publicar Conteudo


O JBWiki! é um jornal online participativo, quem escreve é você!

Como funciona
1 Se você já tem cadastro, sua matéria é publicada na hora em pendentes
Cadastre-se
2 Se você não tem cadastro e quer enviar uma matéria, ela só é publicada depois de aprovação
Enviar matéria sem cadastro

Posts com vídeos

Tatuagem (Chico Buarque)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Guantanamera (Los Sabandeños)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
O Artista (Trailer Legendado)
Publicado em 28/02/2012 pelo(a) wiki repórter Júlio Ferreira, Recife-PE
Economia

A verdadeira "mais valia"

6031 acessos - 2 comentários

Publicado em 17/02/2009 pelo(a) Wiki Repórter mauro carlos, São Paulo - SP



Estava relendo O Capital, uns negócios sobre o tempo dedicado ao trabalho e o fetichismo da mercadoria, que é aquele troço todo do trabalhador que nunca se apodera do fruto de seu trabalho, e que somente estaria bem se estivesse pescando ou caçando, enfim... tudo para basear a minha nova monografia, que tenta relacionar redução de jornada de trabalho com elevação dos níveis de emprego, coisa séria; e comecei a divagar, como sempre, indo parar no negócio mais sensacional, ou pelo menos mais sensacionalista, que o Carlos Marx descobriu, que é a "mais valia".

Mais valia é aquele diferencial entre a criação do trabalho e o preço de venda da mercadoria, do qual se apropria o capitalista, que ficou lá sentadão enquanto o coitado do trabalhador ralava. Na verdade, até hoje, só vi um caso autêntico de mais valia. Trata-se do cara que ia lá no escritório consertar a porta de vidro, que de tempos em tempos e quase todo santo dia deitava a raspar no piso e a ranger.

A empresa chamava-se "Vitral", se não me engano, e o dono, no caso o capitalista, que tinha só um empregado, o levava de camionete até a porta do escritório, entrava com o pobre operário cheio de ferramentas, que se punha, olhar cansado, a arrumar aquela geringonça. Enquanto isso, o capitalista ficava lá, tranquilão, fumando, e quando acabava, cobrava quarenta reais. Depois eu não sei o que exatamente acontecia, mas eu acho que ele devia dar uns dez pro consertador e embolsar os trinta restantes. Descontando a gasolina da picape, acho que a mais valia era de uns vinte e oito reais, na manha.

Os demais casos de mais valia eu nunca consegui mensurar direito. Isso porque, embora o Marx não soubesse, o empresário não fica sentado nada, fica atrás de financiamento, bolando planos de investimentos, organizando fluxogramas e organogramas, e, quando não acaba comendo grama, tem é que pagar umas duzentas coisas e estocar matéria-prima, passar pelo departamento de marketing e de propaganda, que há quem diga que são coisas diferentes, e isso tudo fora sustentar uns filhos que pensam que o pai é rico, em alguns casos amantes, namorados de amantes etc. De fato, extrair a mais valia ficou deveras complicado. Imagine, por exemplo, a mais valia em uma multinacional, com acionistas minoritários e majoritários e conselho e manutenção de instituições e tudo o mais. Sorte do Marx ter feito sua teoria na época em que todo mundo era o vidraceiro dono da tal "vitral".

Mas conceito muito mais importante de mais valia, o próprio Marx, apesar de ter inventado, não foi capaz de compendiar. Pois a verdadeira mais valia faz parte da vida de todos nós, de trabalhadores e não trabalhadores, empresários e não empresários, homens e mulheres e combinados destes dois fatores. Mais valia, no sentido lato, é a abreviação do termo "mais valia a pena". Não existe nada mais usado pelo ser humano. Toda hora escutamos: "financiei este carro novo e me fodi, mais valia (a pena) ter comprado um usado à vista", ou "mais valia ter ficado solteira do que ter casado com este traste", ou ainda "mais valia ter ficado burro e rico do que estudado tanto pra ganhar esta meleca".

Veja só, portanto, a importância do Carlos Marx, que hoje não se restringe a atuar nos cérebros privilegiados dos estudiosos, comunas letrados e metidos em geral, mas habita a grande maioria das situações humanas, pois, de fato, nesta merda de vida, mais valia a pena ter feito tudo diferente, e ter deixado de fumar, e ter matado a Edwirges, e não ter dado comida pro cachorro antes de sair de carro, e casar com a Vidinha, que era órfã, e tantas outras coisas que seria melhor ter feito nesta vidinha besta.

E tem mais, a mais valia nunca se extingue, estando presente em todas as situações. Basta você imaginar que se tivesse feito tudo diferente, estaria achando que mais valia ter feito tudo igual e vice-versa, em um movimento cíclico de uma mais valia sem fim.

O conceito de mais valia, portanto, é o cerne da sociedade moderna, a bandeira dos deprimidos, insatisfeitos, magoados, e de toda população humana, que de fato não se contenta com o valor das coisas como são.

Realmente, estas coisas de Marx são para se pensar!


Mauro Cerdeira


Esta crônica faz parte do livro do autor, Advogados, Patos e Assombrações, Komedi, SP., 2004.



Todos deste(a) repórter

Publicado pelo(a) Wiki Repórter
mauro carlos
São Paulo - SP



Comentários
01
Reporte abuso
jorge eugenio sipriano junior
ribeirão das neves 02/06/2011

acredito que foi bom pois esse texto que você escreveu vai me ajudar no debate do dia 03 / 06 / 2011 onde se eu não tirar uma nota boa eu vou julgalo por ter colocado uma coisa falsa e falando que valia a pena não ter estudado e entrar na vida do crime pois,
estudei nove anos e chego no terceiro ano do ensino médio e tomo uma bomba que ... cara estou brincando você faz um bom trabalho continue ajudando muitas pessoas que usam a internet como fonte para fazer trabalhos escolares.


 
02
Reporte abuso
maria sueli
Timon 01/01/2011

a mais valia conceteza e todo isso e muito mais a cronica explicou a mais valia de maneira facil e clara pra um aprendizado.


Faça seu comentário - nome e cidade são obrigatórios
 caracteres restantes
Digite o código para validar o formulario

Trocar imagem
Quero ser inserido sempre que este autor inserir um novo post
Quero ser inserido sempre que um comentários for inserido neste post

Se você é um wiki repórter, faça o login e seu comentário será postado imediatamente.
Caso não seja, seu post entrará na lista de moderação de BrasilWiki!
Use a área de comentários de forma responsável.
BrasilWiki! faz o registro do IP (número gerado pelo computador de acesso à internet) de usuários para se proteger de eventuais abusos.
Ao selecionar acompanhar comentários do post ou post do autor, é obrigatório o preenchimento do campo email e não é necessário fazer o comentário.


©1995 - 2014. Brasil Mídia Digital

jb.com.br